terça-feira, julho 27, 2010

Eis que surge...

9 de julho de 1977, um jovem sobe num coreto, em pleno jardim do Meyer, Rio de Janeiro e começa a falar sobre Deus, fé e fé em Deus. As pessoas se aproximam e querem ouvir o que está sendo dito por aquele rapaz tão determinado. Aquelas reuniões começam a atrair a atenção do povo, mas o jovem precisava ser ouvido por mais gente, o alcance de sua voz teria de ser maior. Então, dez de seus melhores espectadores decidem ajudar e começam colando cartazes nas proximidades, falando de seu propósito e fazendo propaganda boca-a-boca dos cultos. O coreto, então, começou a ficar pequeno para tanta gente e o nosso jovem decide que precisa de um espaço maior, que pudesse abrigar as pessoas de bem que lhe seguiam. Resolve então alugar um galpão, contra tudo e contra todos que diziam ser loucura, que não teria condições financeiras para arcar com os custos etc. O galpão enche de fiéis no primeiro dia e no segundo e cada vez mais. Surge a Igreja Universal do Reino de Deus, com o jovem Edir Macedo e seus primeiros “obreiros”, iniciando a propagação daquilo que se tornaria a maior religião neopentecostal da atualidade e a igreja que mais cresce e atrai adeptos no Brasil e no mundo. Hoje, é a principal concorrente da Igreja Católica no Brasil.

Li um tweet que dizia que a Religião é vista pelas pessoas comuns como verdadeira, pelos sábios como falsa e pelos governantes como útil.

Penso que tem sido bastante útil para mais gente...

Nenhum comentário:

Postar um comentário